noventa e nove

24 janeiro 2006

O ar é de todos

O Comité Central do PCP apresentou, esta terça-feira, as conclusões do partido sobre as presidenciais. Alvo? Manuel Alegre.
Jerónimo diz que a birra do poeta contra os partidos de esquerda sentenciou as eleições.
Pergunto: se Alegre não tivesse avançado, Jerónimo desistiria em favor de Soares? E se isso acontecesse, Louçã também desistiria para apoiar o candidato do Partido Socialista?
Afinal, quantas birras houve?

P.S.: Em relação ao "milagre das rosas" de que Alegre tanto falou, é impressão minha ou a Eurosondagem, que sempre colocou Soares à frente do poeta durante a campanha, fez a sondagem à boca das urnas para a SIC na noite das eleições e já dava Alegre em segundo e Soares em terceiro?
Rainha Santa Isabel is back in the building?!

RBR