noventa e nove

02 fevereiro 2006

É o verdadeiro "Ai, Jesus"!












Estes são, apenas, dois de doze cartoons do profeta Maomé que foram publicados, em Setembro do ano passado, no jornal dinamarquês Jyllands-Posten. Estes são dois dos que geraram polémica, por relacionarem o profeta com actos violentos praticados em seu nome. A comunidade muçulmana não gostou e o editor do jornal pediu desculpa aos ofendidos.
Em nome da liberdade de expressão, a imprensa europeia voltou a publicar os desenhos. Até em Portugal a notícia teve eco, mas com as devidas cautelas, não fosse ferir alguma susceptibilidade.
Bem melhor esteve o France Soir. Num cartoon que ocupa toda a primeira página, o diário francês mostra quatro representações de Deus nas várias religiões que trocam impressões sobre uma nuvem "não te rales Maomé, aqui já fomos todos caricaturados".

E agora? Precisamente numa altura em que o Gato Fedorento está em vias de voltar a miar, isto pode significar que não vamos ter oportunidade de ver o Ricardo Araújo Pereira com longas barbas a dar sermões aos seus discípulos Zé Diogo Quintela, Tiago Dores e Miguel Góis?!

Com mil coriscos! Que o Senhor esteja com eles.

RBR